Ter sucesso… Na dieta!

gorda-magra

Para termos sucesso em alguma coisa na nossa vida tem de haver sacrifício, trabalho, motivação e empenho. Não conseguimos nada sem esforço, e é bem verdade.

Vou-vos dar um exemplo. Imaginem um atleta de competição. Para conseguir grandes feitos, como por exemplo, ganhar um campeonato, uma medalha, um torneio, ou algo do género, ele precisa de treinar. Precisa de treinar muito fisicamente, mas também o precisa de fazer mentalmente.

Porque nem sempre é fácil. Acham que um atleta de competição, que tem de abdicar de várias coisas ao longo da vida, está sempre motivado para trabalhar, sem vacilar por um segundo? A resposta é óbvia: não!

Então como é que ele consegue?

 

1) Objetivos claros

Os atletas sabem exatamente aquilo que querem. Por mais que por vezes seja difícil, massacrante ou frustrante, os objetivos estão muito bem delineados.

E nos processos de emagrecimento os objetivos também têm de estar muito bem pensados, para serem mais fáceis de serem executados. Precisa de perder 20 kg e o objetivo são os 20kg. Não! Os objetivos devem ser desenhados step by step. Esta semana temos um determinado objetivo e para a semana já poderemos ter outro. Se nos focarmos apenas nos 20 kg, acabamos por desacreditar e querer desistir.

Portanto, objetivos curtos, mas muito bem definidos e tudo será mais simples!

 

2) Foco

O foco está na vitória. Por mais duro e longo que seja o caminho, um dia irão chegar à meta (à vitória) e isso faz com que nunca desistam de lutar.

Nos processos de emagrecimento, as coisas devem ser vistas também assim. Deve haver um foco (o emagrecimento) e objetivos definidos. Muitas pessoas que fazem dieta só sabem que querem emagrecer. Mas emagrecer para quê? Qual é o verdadeiro objetivo desse esforço? A resposta a esta pergunta deve ser tão convincente para sim, a ponto de o fazer resistir a todos os momentos de tentação.

Seja esse objetivo a saúde, para conseguir estar mais tempo ao lado dos seus filhos; a energia, para conseguir brincar com eles; a auto estima, para se sentir melhor consigo próprio; a felicidade, porque não é o peso que perde, mas sim a vinha que ganha!

 

2) Preparação, concentração, treino

Os atletas erram nos treinos. Vezes sem conta. Mas esse é o objetivo, para aperfeiçoarem todas as suas capacidades. Se ao errar o atleta ficasse chateado e desistisse automaticamente, não ganharia nada. Só frustração, tristeza e outros sentimentos negativos.

E nos processos de emagrecimento isto acontece, muitas vezes. Quando cometemos deslizes (que são normais e que toda a gente comete), muitas pessoas desistem de tudo. E desta forma abrem mão daquilo que mais queriam (emagrecer), para se renderem à comida não saudável.

 

3) Superação

Para chegar à vitória, ao grande objetivo, é preciso saber recomeçar. É preciso tentar vezes sem conta. Insistir, persistir; no fundo, superarmo-nos a nós próprios. Quando não acreditamos em nós, o resultado é o fracasso. Mas quando conseguimos superar as nossas expetativas, os nossos medos, as nossas angústias, a vitória poderá ser obtida muito mais facilmente.

Imagine que alguém quer ter sucesso num processo de emagrecimento, mas não acredita em si próprio. Como é que se poderá superar, se não acredita sequer que é capaz?

 

4) Planeamento e disciplina

Os atletas têm estratégias para conseguirem vencer o adversário ou para conseguirem alcançar os objetivos definidos. Não estão à espera que chegue o derradeiro momento, para criarem estratégias. Tudo está planeado. Porque se não estivesse, a derrota seria o resultado final, certamente.

E nos processos de emagrecimento as coisas também devem ser planeadas e a disciplina deve ser mantida. Só assim conseguem ganhar as batalhas contra os alimentos mais tentadores.

 

Pense e aja como um atleta de competição! É difícil, claro que sim; mas o que é que conseguimos ao longo da vida sem sacrifício?

 

Mafalda Leitão

Psicóloga na Clínica Em Forma. Com trabalho clínico e publicado na área da psicologia positiva, emagrecimento através da mente, depressão e ansiedade. Trabalho científico publicado na área da obesidade e perda de peso bem sucedida e menopausa.

Também poderá gostar de…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *