Apanhou um escaldão… E agora?

2016-07-17 13.18.54

Por vezes abusamos um pouco do Sol e depois a nossa pele sofre… Sofre, e de que maneira!

Primeiro que tudo deve conhecer o seu tipo de pele e as necessidades da mesma. A pele é o maior órgão humano e o primeiro a tomar contacto com todas as agressões externas e sob o efeito do sol, a pele reage de diferentes maneiras, segundo a sua especificidade.

E portanto há que cuidar e ter cuidado com o Sol, principalmente com os escaldões, que se podem desenvolver em três tipos diferentes:

  1. Escaldão primeiro grau: afeta a camada externa da pele (epiderme); as estruturas básicas da pele renovam, sem cicatrizes;
  2. Escaldão segundo grau: ocorre a destruição total da epiderme e danos parciais na derme, afetando as células mais profundas da pele; podendo também causar bolhas e inchaço;
  3. Escaldão terceiro grau: atingem o tecido subcutâneo, não havendo a possibilidade de regeneração da pele (só tratado no hospital). Pode ter de realizar enxertos de pele.

E o grande problema é que, apesar do escaldão poder ter saído, pode causar problemas na pele, nomeadamente o envelhecimento precoce, causando o aparecimento de rugas e manchas na pele.

Além disso, também é frequente o aparecimento de acne, porque a pele fica irritada (queimadura e vermelhidão), produzindo mais sebo; e, também, o suor em excesso cria um ambiente propício para o crescimento de bactérias e fungos que causam o acne.

Outra consequência dos escaldões para a pele é o aparecimento de herpes, que pode ser reativado com a exposição solar e pode aparecer em qualquer zona do corpo.

Também há pessoas com alergias ao sol, que se manifestam por vermelhidões, coceira, erupção cutânea e fotossensibilidade.

Os melasmas, manchas castanhas causadas pela exposição excessiva e prolongada ao sol, também é uma das consequências para a pele.

Hoje sabe-se que a exposição descontrolada ao sol, ao longo da vida, é um fator desencadeante de cancro da pele. Mas se já apanhou um escaldão, o que fazer?

Em queimaduras de primeiro e segundo grau, aplicar creme after sun de qualidade, de imediato e de forma repetida. Logo que possível, junto de profissionais de saúde, ou Clínicas reputadas, re-hidratar ou re-equilibrar a pele, para evitar a degradação da situação e a evolução para desequilíbrios que se podem vir a pagar caro mais tarde.

Como fazer?

Nas Clínicas EM FORMA desenvolvemos um tratamento específico inovador e de grande eficácia, para estas situações. Fazemos o re-equilíbrio e hidratação da pele, através de um tratamento de oxigenoterapia, com perfusão de água hidrogenada de PH 6, com gel de aloe vera. Regeneramos a pele através do oxigénio e da água hidrogenada, permitindo o seu re-equilíbrio e nutrição celular, através do equilíbrio do PH e dos princípios ativos do aloe vera.

Se apanhar um escaldão, não hesite!

Trate logo que possível, re-hidratando e re-equilibrando a sua pele, para que não tenha consequências, quer a nível do envelhecimento precoce, quer a outros níveis ainda mais graves.

Também poderá gostar de…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *