A Osteopatia

Hoje falamos um bocadinho sobre a Osteopatia, uma vertente da Medicina alternativa, cada vez mais importante e útil para muitas pessoas…

A Osteopatia é um reequilíbrio de todo o nosso esqueleto. Procura desbloquear as restrições de mobilidade que possam existir nos músculos, esqueleto, articulações, mas também dos órgãos internos e da parte sacrocraniana (do crânio ao osso sacro, no fim da coluna). Age no tratamento de várias doenças mas também na sua prevenção, sem recurso a medicamentos ou cirurgia. A osteopatia vê o organismo humano como um todo, onde tudo está relacionado e pode influenciar outros sistemas: por exemplo, o sistema articular, através do sistema neurológico pode influenciar a parte visceral, dos órgãos internos.

Através de técnicas manuais, o osteopata procura reequilibrar o organismo.

Todo o tratamento de Osteopatia é iniciado por uma massagem muito profunda, para haver um aquecimento muscular; incrementando o relaxamento e atingirmos a estrutura óssea. Depois dessa massagem, devemos promover os alongamentos. Ao inspirar, a pessoa fica em absoluto relaxamento muscular (não tendo controlo sobre o seu músculo). Depois, deveremos fazer a compressão de toda a coluna vertebral.

Todos os problemas de coluna (à excepção de coisas que transcendam a Osteopatia) têm tratamento com a Osteopatia, por exemplo ciáticas, lombalgias, cervicalgias, escolioses, hérnias discais e torcicolos, síndromes do túnel cárpico, tensões ou contraturas musculares. Contudo, podem é existir lesões que já estejam num nível muito avançado e, aí, o paciente será reencaminhado.

Mas, por exemplo, hérnias discais são tratadas em Osteopatia, até um determinado nível que só a cirurgia conseguirá resolver. Muitos problemas de coluna podem ser melhorados com a Osteopatia e, principalmente, evita-se que piorem.

Não interessa ao osteopata apenas a eliminação do sintoma, ele procura sempre a causa do sintoma para poder eliminar o problema e curar o doente.

Para saber mais sobre as nossas consultas de Osteopatia, pode ver AQUI

Também poderá gostar de…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *