6 Conselhos sobre emagrecimento para um início de ano fantástico

Com a entrada neste novo ano, decidimos deixar-lhe 6 conselhos sobre emagrecimento, para que consiga alcançar todos os seus objetivos, principalmente, a perda de peso!

 

1) Nada é proibido! Um conceito de crucial importância é a abolição da palavra não! Nada é proibido! Há alimentos que podemos comer com muita frequência, outros moderadamente e outros apenas de vez em quando. Emagrecer, mais do que sacrifício, é conhecimento, inteligência e individualização. António Soares Neto (Naturopata)

 

2) Atenção ao que come e como come! O prato ideal deve ser equilibrado entre os 3 macronutrientes – proteínas, hidratos de carbono, de baixo perfil glicémico e ricos em água e gordura. A alimentação deve ser equilibrada e fracionada ao longo do dia. Inicie todas as refeições com um bom prato de sopa, e mastigue os alimentos de forma calma e tranquila. Ana Filipa Baião (Nutricionista)

 

3) Mude a mente! Há um motivo para andarmos sistematicamente a fazer dieta: é que a maioria das dietas falham! Isto porque não conseguimos mudar a nossa forma de pensar sobre o emagrecimento. Temos de mudar a mente, para sermos capazes de controlar os impulsos com a comida e conseguirmos ter autocontrolo das situações. Mafalda Leitão (Psicóloga)

 

4) Escolha a água que bebe! É muito importante hidratarmo-nos bem, todos os dias. Diria que, no mínimo, o 1,5l é o ideal. Agora, que tipo de água deve escolher? Se não tiver nenhum problema de saúde (em que poderá ter outras indicações), diria que  devemos consumir uma água mais alcalina, ou seja, ver no rótulo água com um ph superior a 7, nomeadamente água de Monchique (é uma das águas mais alcalinas do mercado). António Soares Neto (Naturopata)

 

5) Atenção às ingestões emocionais! É frequente comermos para compensar determinadas emoções. Por exemplo, quando estamos mais tristes, apetece-nos algo mais doce; quando estamos mais nervosos, apetece-nos comer algo; se estivermos felizes, vamos comer para celebrar, etc. A esse tipo de comportamento alimentar chamamos ingestão emocional, a segunda maior causa (no mundo) que leva à obesidade. Mafalda Leitão (Psicóloga)

 

6) Alimentos que regulam o humor! O processo metabólico de compensação é simples: no nosso sistema nervoso central (cérebro) existem recetores de neurotransmissores que, ao serem absorvidos, desencadeiam um estado/resposta hormonal ou metabólica que, na situação de compulsividade alimentar (por estados mais ansiosos ou depressivos), leva a uma baixa absorção em serotonina. Este neurotransmissor atua no cérebro, regulando o humor, o sono, o apetite, temperatura corporal e funções intelectuais. Os alimentos que mais podem ajudar a regular estados de humor são: o chocolate, a alface, o ovo, a pêra abacate, as amêndoas e as nozes. Atenção: se estes estados forem frequentes, procure ajuda de um psicólogo. Ana Filipa Baião (Nutricionista)

 

 

Também poderá gostar de…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *